19 de agosto de 2019

19/08 – Novos critérios para bolsas de mestrado e doutorado, dossiê contra a Laureate, ‘fake news’ de Guedes sobre o movimento sindical , e mais.

.

TV Fepesp: na programação, dose dupla – Nas Ruas! em 13 de agosto, e Sindicalize-se. Veja aqui: http://fepesp.org.br/categorias-tvfepesp/sala-de-professores/

 

 


MEC mudará critérios para concessão
de bolsas de mestrado e doutorado

Exame; 18/08
http://bit.ly/31TeCpn

O governo federal vai mudar o critério de concessão de bolsas de mestrado e doutorado no país. O novo sistema de escolha levará em conta o Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) dos municípios onde as faculdades estão localizadas, o teor das pesquisas e a nota obtida pelos cursos nos últimos anos. Terão prioridade aquelas que se encaixarem em áreas consideradas estratégicas pela gestão Jair Bolsonaro, como cursos de Saúde e Engenharias. Bolsas de doutorado terão preferência em relação às de mestrado.

 

Portugal terá validação automática
de mestrado e doutorado nota 5 na Capes

Folha de S. Paulo; 18/08
http://bit.ly/31TdxOl

Em mais uma ação para incentivar a presença de estudantes brasileiros em suas universidades, o governo de Portugal irá conceder validação automática de diplomas de mestrado e doutorado com nota 5 da Capes (Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior). A avaliação da Capes, órgão vinculado ao ministério da Educação, leva em conta diversos elementos dos programas de pós-graduação do país, incluindo a produtividade acadêmica, e é um dos principais indicadores de qualidade do Ensino Superior brasileiro.

 

Mais quatro universidades de Portugal
passam a aceitar o Enem na seleção de alunos

Folha de S. Paulo; 16/08
http://bit.ly/31JSD3S

Mais quatro instituições de ensino superior de Portugal firmaram convênio com o MEC (Ministério da Educação) para aceitar os resultados do Enem na seleção de alunos para cursos de graduação. Com isso, 41 universidades portuguesas já aceitam o exame. Três têm sede na capital do país: o Instituto Universitário de Lisboa, a Universidade Autônoma de Lisboa e o Instituto Politécnico da Lusofonia. Já a Escola Superior de Saúde Norte da Cruz Vermelha Portuguesa está localizada na cidade de Oliveira de Azeméis.

 

Artigo | Guedes se formou em Chicago
com bolsa que governo está cortando

Folha de S. Paulo; 18/08
http://bit.ly/31LSBsl

Por Angela Alonso: De 1974 a 1978, Guedes estudou na caríssima Universidade de Chicago com a mesma bolsa do CNPq que o governo agora nega a novos pesquisadores. Sua turma acha que ascendeu por mérito, sem reconhecer a catapulta dos incentivos estatais à educação e à pesquisa. Por isso não mexe uma palha pela ciência. Delegou o assunto à turma do cascalho, com seu ataque, este sim ideológico, à autonomia universitária.

 

Contingenciamentos vão afetar aulas
a partir de agosto, dizem universidades

G1; 17/08
https://glo.bo/30hMoUO

O contingenciamento do orçamento da Educação deverá afetar pesquisas e ações de extensão em ao menos 21 universidades federais neste segundo semestre. Se não for revertido, as aulas poderão ser suspensas a partir de agosto em nove universidades (uma em agosto, seis em setembro e duas em outubro). Outras sete não apontaram data, mas afirmaram que a situação está indefinida.

 


Dossiê contra a Laureate; Assembleia de alunos
da Anhembi contra a demissão dos professores

MEIP; 19/08
http://bit.ly/2YcERJj

Grupo de jornalistas do MEIP apresentará uma série de reportagens sobre os documentos reunidos por ex-professores da Laureate EAD. O material é recheado de denúncias gravíssimas contra o grupo. A Agência Pública já publicou alguns trechos do dossiê, porém, trechos inéditos serão trazidos nas próximas semanas pelo MEIP. No mesmo dia e horário, haverá a discussão sobre a possibilidade de uma greve de alunos contra a demissão de professores da Anhembi Morumbi. Segunda-feira, 19 de agosto de 2019, às 20:30. Universidade Anhembi Morumbi – Campus Centro; Rua Dr. Almeida Lima, 1.134 – Mooca, São Paulo.

 




Confira esta e outras charges em nosso site: http://bit.ly/2HvT9vP

 

 


Tire 15 dúvidas sobre a lei do domingo aprovada pela Câmara
Jornal Agora; 18/08
http://bit.ly/2Zed9Mu

A minirreforma trabalhista, como foi apelidada a medida provisória da “Liberdade Econômica”, vai alterar significativamente diversos pontos da CLT (Consolidação das Leis do Trabalho). O Agora mostra hoje dúvidas dos trabalhadores sobre as mudanças. Aprovada por 345 votos a favor e 76 contra, a MP torna o domingo um dia de expediente como outro qualquer. Com a nova lei, todas as categorias profissionais estão autorizadas a trabalhar aos domingos e feriados. Inclusive professores.

 

Projeto de lei da ”Liberdade Econômica” intensifica
agenda de precarização das relações de trabalho
Carta Maior; 14/07
http://bit.ly/2z5yWY6

Com as mesmas justificativas utilizadas para aprovar a “reforma trabalhista” e que impulsionam a atual proposta de “reforma” da previdência (aceleração do desenvolvimento econômico, atração de investimentos para o país, solucionar o desemprego e etc.), a Medida Provisória 881/2019, que atualmente conta com 19 artigos, foi encaminhada a uma comissão especial no Congresso Nacional que subitamente a transformou em um projeto de lei de proporções enormes.

 

Artigo | Paulo Guedes não sabe nada sobre o movimento sindical
RPB; 18/07
http://bit.ly/2TJspvL

Por Carolina Maria Ruy: Sua fala leviana insinua que o objetivo das manifestações sindicais era garantir os salários dos sindicalistas, que a ditadura garantia esses salários e que, por isso, sindicalistas e ditadura eram parceiros. Há mais de dez anos meu trabalho é dedicado à história do movimento sindical. Como coordenadora do Centro de Memória Sindical, já me debrucei sobre a história de diversos sindicatos e sobre diversos períodos da história. Existem sim visões divergentes no interior do movimento. Existe um embate ideológico. Mas nunca em minhas pesquisas ou entrevistas encontrei algum fato que se aproxime dos delírios de Paulo Guedes.

 


Tudo sobre o saque do seu fundo de garantia
Fepesp; 16/07
http://bit.ly/2Hc9STW

No site da Fepesp, perguntas e respostas sobre as novas regras do Fundo de Garantia.

 

Repercussão: Professores na defesa da Educação:
Campanha ‘Sindicalize-se’. O momento é urgente.
Portal Região Oeste; 16/08
http://bit.ly/2KIpKiQ

 

 


YouTube x professor
Estadão; 18/08
http://bit.ly/2MsOu0D

É quase inacreditável, mas jovens já consideram o YouTube tão importante quanto o professor. A constatação – de uma pesquisa realizada pela multinacional Pearson no Brasil – indica que há pessoas acreditando que a educação formal não precisa ser feita por profissionais. Mostra também, mais uma vez, a desvalorização do docente, peça fundamental para o ensino de qualidade. Para tentar compreender como se aprende nos dias de hoje, a Pearson perguntou para pessoas entre 14 e 37 anos o que mais contribuiu para sua “educação, aprendizagem e/ou desenvolvimento” nos últimos 12 meses.

 


Editora responsável pelas publicações de Paulo Freire
registram 60% de aumento nas vendas
DCM; 16/08
http://bit.ly/2HdUeY5

A editora Paz e Terra, responsável pelas publicações de Paulo Freire, registrou no primeiro semestre um crescimento de 60% em relação a 2018 nas vendas de Pedagogia do Oprimido, a principal obra do educador. Agora, ela vai ganhar nova edição. A editora também lançará, em setembro, o livro Direitos Humanos e Educação Libertadora, com textos inéditos de Freire organizados pela viúva, Nita Freire, e pelo professor Erasto Mendonça.

Deixe seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Copyright © 2018 FEPESP - Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por: PWI WebStudio