Fepesp - Federação dos Professores do Estado de São Paulo

quarta-feira, 4 de agosto de 2021

Por Beth Gaspar em 4 de agosto de 2021

04/08 - a parceria Procon-Fepesp, insegurança de pais e professores na volta às aulas, variante delta arrisca idosos e crianças, e mais: o perfil dos atletas brasileiros na Olimpíada de Tóquio

.

AS NOTICIAS DE HOJE DE 05/08 ESTÃO AQUI.

 

Fepesp e Procon assinam hoje (04/08) parceria para o cumprimento dos protocolos sanitários pelas escolas na volta presencial às aulas.

 


Procon e federação dos professores: cumprimento de protocolos anti-covid nas escolas particulares de SP
Radio Peão Brasil; 04/08
https://bit.ly/3lrc1Qx

O Procon e a Federação dos Professores de São Paulo assinarão uma carta de intenções nesta quarta-feira para observar e apoiar o cumprimento de protocolos sanitários pelas escolas particulares de São Paulo na volta às aulas neste mês de agosto.

O ato será realizado nesta quarta-feira, 04/08, às 15h00, na sede da Fundação Procon-SP (Rua Barra Funda, 930 – 4º andar, sala 432). O protocolo será assinado por Fernando Capez, diretor executivo do Procon-SP, e Celso Napolitano, presidente da Federação dos Professores do Estado de São Paulo-Fepesp.

No protocolo de intenções Procon-Fepesp está estipulado que ‘o PROCON-SP tem competência para fiscalizar o cumprimento dos protocolos de segurança sanitária estabelecidos pelo Governo do Estado, sob a perspectiva da defesa do consumidor, nos estabelecimentos privados de ensino’.

Medo, incerteza e insegurança marcam primeiro dia da volta às aulas em São Paulo
Rede Brasil Atual; 02/08
https://bit.ly/3Ae1qwv

Medos, incertezas, falta de segurança e muitas preocupações foram alguns dos sentimentos vivenciados nesta segunda-feira (2) por pais e profissionais de ensino da região da Grande São Paulo. O repórter Cosmo Silva, da Rádio Brasil Atual, acompanhou a volta às aulas, autorizada pelo estado de São Paulo, com até 100% da capacidade, tanto no sistema público quanto no privado, em meio à pandemia de covid-19.

O governo João Doria (PSDB) alega que a diminuição de casos de internação e de mortes permitiu a volta das aulas presenciais. No entanto, essa opinião não é compartilhada pela comunidade escolar. Pai de uma aluna de 14 anos na rede estadual de ensino em São Bernardo, Flávio Campos diz que as preocupações vão além da vacinação. Ele comenta que as escolas não estão preparadas e que não vai permitir que a filha volte às aulas presenciais.

 

Brasil perde matrículas de educação integral, estratégia essencial para recuperar aprendizagem no pós-pandemia
Extra; 03/08
https://glo.bo/3imvEao

Estratégia essencial para a recuperação de aprendizagem perdida na pandemia, o tempo integral (quando os alunos ficam pelo menos sete horas diárias na escola) tem diminuído no Brasil. A queda vai na direção contrária do que determina o Plano Nacional de Educação (PNE), lei que prevê como uma das metas o país ter 25% das matrículas nesse modelo a partir de 2024.

Em 2020, porém, o país teve 12,9% de matrículas na educação básica com pelo menos sete horas de aulas diárias, modelo considerado padrão nos países com educação de ponta. Em números absolutos, são 31% menos alunos no tempo integral do que em 2015.

Os dados são do Anuário Brasileiro da Educação Básica 2021, publicação de monitoramento lançada nesta terça-feira pelo Todos Pela Educação, em parceria com a Editora Moderna, lançado ontem, que acompanha todas as etapas, modalidades e especificidades da educação brasileira, da educação infantil à pós-graduação.

 

Seleção de pais de alunos para trabalhar em escolas estaduais de SP tem 3,4 candidatos por vaga
Agora; 03/08
https://bit.ly/37mg73Y

A seleção realizada pelo governo estadual para escolher pais ou responsáveis de alunos que atuarão nas escolas estaduais recebeu 68 mil inscrições até o dia 30 de julho. Eles concorrem a 20 mil vagas, e, se forem selecionados, prestarão serviços nas escolas até o próximo mês de dezembro ganhando R$ 500 ao mês cada um.

A partir desta quarta-feira (4), uma comissão do programa denominado pelo governo estadual de Bolsa do Povo Educação fará a análise dos inscritos e os selecionados serão convocados por email ou telefone para realizar as entrevistas nas escolas.

 

POLÍTICA EDUCACIONAL

Procuradoria questiona MEC sobre plano para criar tribunal ideológico do Enem
Folha de S. Paulo; 03/08
https://bit.ly/3yrzDIh

O Ministério Público Federal questionou o governo Jair Bolsonaro sobre os planos do MEC (Ministério da Educação) para criar uma espécie de tribunal ideológico do Enem. Na Câmara, o ministro da Educação, pastor Milton Ribeiro, negou que existisse a iniciativa, o que contradiz os registros dos processos internos.

A Folha revelou em junho que o Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais) tem pronta uma portaria que estabelece uma instância permanente de análise ideológica dos itens das avaliações da educação básica. O documento prevê veto a "questões subjetivas" e atenção a "valores morais".


Bolsonaro alavancou empresas da educação na pandemia, diz relatório
Rede Brasil Atual; 03/08
https://bit.ly/3xnXw2a

As corporações do ramo da educação vêm sendo alavancadas pelo presidente Jair Bolsonaro desde o início da pandemia, em março de 2020. Esta é uma das principais conclusões do dossiê CoronaChoque: um vírus e o mundo, lançado nesta terça-feira (3) pelo Front Instituto de Estudos Contemporâneos e pelo Instituto Tricontinental de Pesquisa Social. Conforme o documento, tais grupos empresariais representam interesses financeiros, sejam eles de pessoas físicas ou de fundos de investimentos de quaisquer partes do mundo, sem compromisso com o Brasil. E submetem a qualidade do ensino à lógica especulativa e às periódicas crises do mercado de capitais.

O dossiê chama atenção para um aspecto curioso: ao longo da pandemia as corporações educacionais pressionaram sistematicamente o governo brasileiro pelo retorno das aulas presenciais, ignorando os riscos à saúde de estudantes e profissionais da educação. Isto foi feito em grande medida pelas associações empresariais alinhadas aos interesses políticos do governo Bolsonaro .

Clique aqui para ler a íntegra de CoronaChoque: um vírus e o mundo do Front Instituto de Estudos Contemporâneos e do Instituto Tricontinental de Pesquisa Social.


Inscrições para o Sisu seguem até sexta-feira
Estadão; 03/08
https://bit.ly/3lsjMFF

Estudantes de todo o País que participaram da última edição do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) e que pretendem estudar em uma universidade pública podem se inscrever no Sistema de Seleção Unificada (Sisu) a partir desta terça-feira, 3.

Desenvolvido e administrado pelo Ministério da Educação, o sistema é usado para selecionar os candidatos a vagas em instituições públicas de ensino superior a partir das notas obtidas no Enem.

 

CORONAVÍRUS

Fiocruz alerta para risco da variante delta para idosos e crianças
Rede Brasil Atual; 03/08
https://bit.ly/3xlMKJB

A Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), divulgou hoje (3) um estudo que aponta já para possíveis efeitos da variante delta no país. O material ainda está em fase de conclusão. Entretanto, a entidade identificou novo aumento no número de internações por covid-19 entre idosos.

O Brasil está a um dia de superar a marca de 20 milhões de infectados por covid-19. Hoje (3), foram 32.316 novos casos confirmados da doença, totalizando 19.985.817 doentes oficialmente registradfos desde o início da pandemia, em março de 2020. O último período de 24 horas monitorado pelo Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass) também foram marcadas por mais 1.209 mortes. Com o acréscimo, são 558.432 vítimas do vírus, também desde março do ano passado. Trata-se do segundo país com mais óbitos causados pela covid em todo o mundo, atrás dos Estados Unidos. Porém, o Brasil “lidera” em número de mortes ocorridas somente neste ano.


De volta, CPI da Covid mira sites que divulgaram fake news
Estadão; 03/08
https://bit.ly/3s08Pwn

O núcleo da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Covid, no Senado, que investiga a disseminação de fake news sobre o enfrentamento à pandemia, avança e deve pedir, nesta semana, a quebra de sigilo bancário de ao menos oito sites que propagaram conteúdos falsos. Desde esta segunda-feira, 2, o grupo conta com o auxílio do delegado da Polícia Federal Carlos Eduardo Miguel Sobral, especialista em crimes cibernéticos, que investigará exclusivamente a disseminação de mensagens enganosas.

Na quarta-feira, os senadores ouvem o coronel Marcelo Blanco, ex-assessor do Ministério da Saúde, exonerado da pasta em 19 de janeiro. Áudios em posse da CPI, revelados pelo Estadão, mostram o coronel orientando Cristiano Alberto Hossri Carvalho, representante da Davati Medical Supply, a acessar o Departamento de Logística do Ministério da Saúde e negociar supostas 400 milhões de doses da vacina da AstraZeneca.

 


Gráficos: o perfil dos atletas brasileiros na Olimpíada de Tóquio
Nexo; 03/08
https://bit.ly/3CeDHxV

O time brasileiro está presente em Tóquio com sua segunda maior delegação da história, logo após a dos Jogos do Rio.

Na última atualização, a delegação era composta por 303 atletas. Desse total, 46,5% eram mulheres, 61,1% eram naturais da região Sudeste, e oito competidores eram nascidos em países do exterior.

 

 

Conteúdo Relacionado

crossmenu