Federação dos Professores do Estado de São Paulo, 14 de abril de 2024

17 de dezembro de 2019

17/12 – Paulo Freire ‘energúmeno’, demissão de Weintraub é questão de vida ou morte, educação domiciliar e mais.

.

[addthis tool="addthis_inline_share_toolbox_whwi"]

Bolsonaro chama Paulo Freire de ‘energúmeno’ e diz que TV Escola ‘deseduca’
G1; 16/12
https://glo.bo/2sBprzN

O presidente Jair Bolsonaro chamou nesta segunda-feira (16) de “energúmeno” o educador Paulo Freire, patrono da educação brasileira, e declarou que a programação da TV Escola “deseduca”.

Paulo Freire foi declarado o patrono da educação brasileira em 2012, mas recebe críticas do atual governo. Presidente defendeu o fim do contrato com a entidade que gere a TV Escola.

VIÚVA DE PAULO FREIRE REBATE BOLSONARO: ‘É NEFASTO E TEM INVEJA DE PAULO’
Epoca; 16/12
https://glo.bo/2PVSGW6

A educadora Ana Maria Freire, de 86 anos, viúva do também educador Paulo Freire, rebateu a declaração de Jair Bolsonaro, que hoje chamou Paulo de “energúmeno”.

“A palavra não se adequa a Paulo. Paulo não é isso. Paulo não é nenhum demônio que veio à Terra. Pelo contrário, Paulo veio à Terra para pacificar o mundo”, disse Ana Maria à coluna.

Metodologia Paulo Freire revoluciona povoado no sertão
Repórter Brasil; 16/12
http://bit.ly/36NoGTl

Apesar do presidente Jair Bolsonaro classificar como energúmeno uma das maiores referências em educação do mundo, nós mostramos a transformação que o método de alfabetização de Paulo Freire provocou em um povoado no interior do Rio Grande do Norte – e na vida de 300 trabalhadores rurais.

MEC esvaziado indica saída de Weintraub em 2020, reportam jornais
Fepesp; 16/12
http://bit.ly/2EnhWzk

O ministro que não entende de Educação, Abraham Weintraub, virou noticia e desta vez não está sendo por nenhuma de suas costumeiras imprecações. Mas, talvez também por causa delas (por fazer sombra ao insultador-mor instalado na Presidência), e certamente pelo desmonte que vem promovendo na área.

Demissão de Weintraub é questão de vida ou morte para a educação do Brasil
Carta Educação; 16/12
http://bit.ly/2Z0WMk6

Opinião: “O campo da educação, neste governo, tem servido até agora apenas de sustentáculo ideológico do reacionarismo e do obscurantismo característicos desse grupo político que tomou o poder.”

Mensalidade escolar em São Paulo mais que dobrou nos últimos dez anos
Fepesp; 16/12
http://bit.ly/35qXx8v

Análise do Procon-SP com base no índice de custo de vida do Dieese mostra que valor médio das mensalidades em escolas particulares subiu 104,29%, contra 76,16% de inflação

Educação domiciliar: regulamentação fica para 2020
R7; 14/12
http://bit.ly/2rXlEgh

Pais e estudantes que buscam a regulamentação do ensino domicilar terão de esperar uma definição para o ano que vem. O projeto de lei que tramita na Câmara foi encaminhado para uma Comissão Especial.

Andorra e Bélgica
O Globo; 16/12
https://glo.bo/36L2UQ1

Voltando ao Pisa, em leitura, só 2% dos alunos brasileiros estão nos níveis mais altos de aprendizagem, média que na OCDE é de 9%. Podem existir algumas ilhas de excelência no país, mas o que temos é que, na média, alunos de maior nível socioeconômico daqui, quando comparados com estudantes de características semelhantes em outros países, também ficam nas últimas colocações do ranking.

TV Escola é o imbróglio mais recente de ano marcado por crises no MEC
UOL; 16/12
http://bit.ly/2PxQKEx

A decisão do MEC (Ministério da Educação) de não renovar o contrato com a Associação Roquette Pinto, organização social responsável por gerir a TV Escola, é apenas mais uma entre as diversas crises e polêmicas que marcaram a pasta em 2019.

DIAP – Celso Napolitano comenta atuação do departamento
Diap; 16/12
http://bit.ly/2M4teg6

O quadro Vídeo da Semana, no site da Agência Sindical, entrevista o presidente do Departamento Intersindical de Assessoria Parlamentar, Celso Napolitano. Líder sindical do professorado, o dirigente fala sobre a atuação do Diap no assessoramento do movimento sindical nos temas de interesse do trabalhador em análise no Poder Legislativo.

Vitória: Suspensão de lei que proíbe abordagem de gênero é mais um passo contra mordaça
Contee; 16/12
http://bit.ly/2PVdwoz

O ministro Luís Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal (STF), suspendeu na última sexta-feira (13) a lei municipal de Londrina, no Paraná, que proibiu debates e abordagens sobre gênero das salas de aula da cidade.

Poder do Voto espera chegar a 200 mil usuários até eleição municipal de 2020
Valor; 14/12
https://glo.bo/2YW5FLy

‘Poder do Voto é o aplicativo gratuito de pressão sobre deputados e senadores, que conta com avaliação do DIAP sobre os projetos em votação no congresso. Veja aqui como baixar e usar o aplicativo:

‘Poder do Voto’ – como vota quem você elegeu: opine, decida, pressione

Homologação só no sindicato
Sinpro Jundiaí; 17/12
http://bit.ly/38Nu8Ht

Apesar da Reforma Trabalhista, que permite que a homologação, em caso de demissão por vontade do patrão ou a pedido do funcionário, seja feita na escola, o trabalhador tem direito e deve exigir a homologação no sindicato, com o acompanhamento e a devida conferência de um representante da sua categoria. É o sindicato que vai assegurar que os direitos do professor sejam respeitados e que todos os valores sejam pagos corretamente.

Após um ano do governo Bolsonaro, o que mudou na educação?
Folha de S.Paulo; 17/12
http://bit.ly/35zpScE

O primeiro ano do governo Bolsonaro na educação básica pode ser vista como período de paralisia e de excesso de polêmicas. Ou de preparação para arrancada em 2020.
Essas análises divergentes estão presentes no episódio desta semana do podcast Folha na Sala, que entrevistou o secretário de Educação Básica do MEC, Jânio Carlos Endo Macedo, e o repórter da Folha Paulo Saldaña, que cobre educação na sucursal de Brasília.

TV Escola: A História da Palavra – A Revolução dos Alfabetos
Tv Escola;

Documentário que mostra como surgiram as primeiras palavras escritas.

Deixe seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Copyright © 2018 FEPESP - Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por: PWI WebStudio