AS MPs E OS DIREITOS DOS EDUCADORES — em vinte perguntas e respostas que provam nosso prejuízo

Proteste! O governo aproveita o estado de calamidade pública decretado para o combate à contaminação pelo coronavírus para dar um refresco às empresas, à custa de pisotear leis do trabalho e fragilizar quem trabalha para sobreviver.