Reforma da Previdência: modelo chileno é alerta aos brasileiros

O fracasso do modelo de capitalização tem vários motivos. Um deles é a dificuldade de os trabalhadores permanecerem por longo tempo no mercado de trabalho sem interrupções. Em 2018, havia 10,7 milhões de trabalhadores filiados ao sistema das AFP, no Chile, mas apenas 5,4 contribuíam de forma contínua.