Fepesp - Federação dos Professores do Estado de São Paulo

segunda-feira, 15 de abril de 2024

Por agencia sindical em 15 de abril de 2024

Acordo garante PLR no grupo Cruzeiro do Sul

Firmado acordo coletivo, entre a Fepesp o grupo Cruzeiro do Sul, para pagamento de PLR (Participação nos Lucros e/Resultados).

O acordo, referente ao benefício de 2023, foi proposto pela própria instituição, mas demandou negociações acerca de critérios da PLR.

Entre tais critérios, a forma de pagamento. Pelo acordado, a PLR será quitada até o final deste mês de abril. O valor corresponde a 10% do salário vigente em dezembro de 2023.

O pagamento beneficiará um total de 1.991 profissionais, entre professores e auxiliares (IES e Colégios), a depender da composição de cada base do Sindicato signatário do acordo. Ou seja, há entidades nas quais a PLR contempla o professorado e há outras onde o acordo cobre professores e auxiliares.

Integrantes - Integram o acordo coletivo as bases representadas pela Fepesp. Ou seja, São Paulo (UnicSul, Unicid e Colégio Cruzeiro do Sul); Salto e Itu (Ceunsp); Franca (Unifran); Caraguatatuba (Superior) e São Sebastião (Colégio).

Elegíveis - Docentes do Ensino Superior, em tempo integral, responsáveis por, no mínimo, duas disciplinas e, em todos os casos, os e as que trabalharam, no mínimo, 120 dias em 2023.

Profissionais com licença-maternidade em 2023 não têm tal restrição.

Proporcionalidade - Caso tenha havido aumento ou redução no número de aulas em 2023, a PLR será paga considerando-se a média salarial do período.

MAIS - Fazer contato com os Sindicatos partícipes desse acordo com o grupo Cruzeiro do Sul.

crossmenu