14 de dezembro de 2020| ,

Estácio/Yduqs: professores e auxiliares aprovam plano

Paralisação de atividades de 16 a 31 de dezembro não prejudica recesso, férias ou outros direitos

Professores e pessoal administrativo da Yduqs (novo nome da antiga Estácio) terão seu trabalho suspenso a partir desta semana, com duração até 31 de dezembro, sem prejuízo de valor bruto dos seus salários ou de recesso de fim de ano ou férias.

A proposta, feita pela mantenedora, é baseada na legislação de emergência durante o período de pandemia, que permite a redução de jornada com redução de salários. A legislação de emergência prevê a complementação do salário reduzido ao seu nível regular com fundos da empresa e do Estado.

A proposta foi aprovada em assembleias dos profissionais de educação realizadas na quinta-feira, 10/12, pelos sindicatos de professores do ABC, Araçatuba, Campinas, Osasco, Ourinhos, São José do Rio Preto (Sinpro e Saae) e São Paulo, onde a Estácio tem unidades em funcionamento no Estado de São Paulo.

 

 

 

 

Deixe seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Copyright © 2018 FEPESP - Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por: PWI WebStudio