6 de novembro de 2018|

FEPESP – ED SUPERIOR: QUEREM ACABAR COM SEU PLANO DE SAÚDE

Os representantes das instituições de ensino mostraram a que vieram nesta campanha salarial: querem preservar sua lucratividade, economizar à custa de professoras, professores e auxiliares, e fincar uma estaca para nos dividir com os piores aspectos da ‘reforma’ trabalhista. Começaram com uma proposta inaceitável, a de encerrar unilateralmente a assistência médica que temos em nossa Convenção Coletiva.

Essa foi a proposta patronal na reunião de negociação de segunda-feira, dia 19. Essa ‘proposta’ foi rejeitada de cara pela comissão de negociação liderada pela Fepesp.
Com a rejeição, o patronal foi obrigado a um compromisso: a cláusula do Plano de Saúde será estendida até o dia 30 de março – um mês além de nossa data base, 01/03. Até lá, uma comissão especial, com representantes de cada lado, irá analisar não só as contas dos planos mas as condições regulatórias – não se mudam planos assim facilmente.

Programas Anteriores

Deixe seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Copyright © 2018 FEPESP - Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por: PWI WebStudio