Federação dos Professores do Estado de São Paulo, 28 de outubro de 2021

14 de outubro de 2021

14/10/21 – a volta apressada e mal planejada da obrigatoriedade nas aulas presenciais, Paulo Freire e o Dia dos Professores, vínculo empregatício no Uber, e mais: o controle da informação pelo excesso de informações

.

 

Ensino Superior: todos devem receber a segunda metade do abono nesta sexta, da 15. Fique de olho: se não receber, ou se o valor não estiver correto, procure imediatamente o seu sindicato ou a Fepesp.

 

Aulas presenciais em SP: ‘Estão forçando o retorno sem protocolos adequados’, diz especialista
UOL; 13/10
https://bit.ly/3j3bTVn

O professor Daniel Cara, do movimento Campanha Nacional pelo Direito à Educação, apoia a volta às aulas obrigatórias no estado de São Paulo com uma ressalva: as medidas de segurança sanitária para combater a covid-19. “Estão forçando o retorno sem protocolos adequados”, disse ao UOL News.

 

TV Fepesp; 14/10
 


PAULO FREIRE + DIA DOS PROFESSORES

TV Cultura vai homenagear Paulo Freire com documentário no Dia dos Professores
O Antagonista; 13/10
https://bit.ly/3lDqmc6

A TV Cultura vai exibir nesta sexta-feira, Dia dos Professores, um documentário em homenagem a Paulo Freire. O material, chancelado pelo departamento de jornalismo da emissora, traz depoimentos de Mario Sergio Cortella, Dermeval Saviani, Sérgio Haddad e de outros intelectuais que defendem o trabalho do educador.

“Paulo Freire, 100 anos” deve ser exibido às 20h00, em pleno horário nobre da TV aberta.


Entrega de retrato de Paulo Freire homenageia centenário do patrono da educação
Portal dos Jornalistas; 13/10
https://bit.ly/3azEVqS

Em homenagem ao centenário de Paulo Freire, será entregue um retrato pintura a óleo sobre tela do patrono da educação brasileira, feito pelo artista plástico Luís Mielle, a partir da iniciativa do Instituto Paulo Freire e do apoio financeiro de um grupo de brasileiros financiadores do trabalho.

O retrato será exposto no Centro de Referência Paulo Freire (CRPF – Rua Cerro Corá, 550, em São Paulo), na sexta-feira (15/10), Dia do Professor, das 10h às 11h30, em cerimônia para convidados. O Instituto Paulo Freire informou que, após a pandemia, vai retomar as atividades de visitação ao CRPF. Atualmente, existem Institutos Paulo Freire em 18 países ao redor do mundo.

 

Dia do Professor: aos mestres, com carinho
O Tempo; 13/10
https://bit.ly/2YRNOtH

Listar todos os filmes dedicados a esse ofício certamente seria uma missão quase impossível, mas a abundância comprova a importância desse profissional que, no Brasil, é homenageado na próxima sexta (15), no Dia do Professor, data que, segundo as enciclopédias virtuais, teria sido informalmente pensada por quatro professores de Piracicaba (SP), e, depois, ratificada pela jornalista, professora e política brasileira Antonieta de Barros. Em sua segunda passagem pelo parlamento, Antonieta elaborou, em 1948, a Lei nº 145, que instituiu, em âmbito estadual (no caso, em Santa Catarina), o dia do professor e o feriado escolar de 15 de outubro. O que a inspirou, no caso, foi a simbologia da data de criação do primeiro decreto educacional: em 15 de outubro de 1827, Dom Pedro I, então imperador do Brasil, baixou o decreto criando o Ensino Elementar no Brasil. A data se torna nacional pelo Decreto Federal 52.682, de 14 de outubro de 1963. Portanto, recente.

 

Fepesp; 14/10
https://bit.ly/3moTWBo

Conheça o Plano de Ações deliberado pelos delegados ao 10ºCongresso da Fepesp – será nossa atuação pela gestão 2021-2025!

 

TRABALHO

STF adia novamente julgamento sobre acesso à Justiça do Trabalho
Rede Brasil Atual; 13/10
https://bit.ly/3p9MKvM

O Supremo Tribunal Federal (STF) adiou mais uma vez o julgamento de uma ação que questiona mudanças feitas a partir de 2017 no acesso à Justiça do Trabalho. Foi a primeira ação de inconstitucionalidade contra uma alteração provocada pela “reforma” trabalhista (Lei 13.467), implementada naquele ano. Mas a Corte já leva mais de quatro anos no processo, que estava incluído na pauta desta quarta-feira (13). A sessão foi encerrada às 18h30, sem a retomada do julgamento.

A Ação Direta de Inconstitucionalidade (ADI) 5.766, da Procuradoria-Geral da República (PGR), chegou ao Supremo em 28 de agosto de 2017. Foi distribuída ao ministro Barroso, que considerou a ação parcialmente procedente. Já Edson Fachin abriu divergência e votou a favor do pedido da Procuradoria. O julgamento foi interrompido por pedido de vista de Luiz Fux, ainda em maio de 2018. Voltou à pauta do último dia 7 e novamente hoje.


TRT do Rio reconhece vínculo empregatício na Uber: subordinação ‘sofisticada’
Rede Brasil Atual; 13/10
https://bit.ly/3mUv8BC

Decisão de segunda instância, no Rio de Janeiro, reconheceu vínculo empregatício entre a Uber e uma motorista, que recorreu à Justiça e havia perdido na primeira instância. A 7ª Turma do Tribunal Regional do Trabalho da 1ª Região (TRT-RJ) decidiu por unanimidade, acompanhando o voto da relatora, Carina Rodrigues Bicalho. A desembargadora do TRT do Rio entendeu que na Uber estavam presentes os elementos que configuram vínculo e apontou a existência de relação de subordinação, ainda que em outro formato. Cabe recurso.

 

CORONAVÍRUS

Brasil vê média móvel de mortes por Covid cair a 318, ainda sob influência do feriadão
G1; 13/10
https://glo.bo/3DKtZmZ

O Brasil registrou nesta quarta-feira (13) 201 mortes por Covid-19 nas últimas 24 horas, com o total de óbitos chegando a 601.643 desde o início da pandemia. Com isso, a média móvel de mortes nos últimos 7 dias ficou em 318 –a menor registrada desde 27 de abril de 2020 (quando estava em 287). Em comparação à média de 14 dias atrás, a variação foi de -41% e aponta queda pelo quarto dia seguido.

A forte queda apontada segue sob influência do feriado estendido de Nossa Senhora Aparecida. Devido às equipes reduzidas trabalhando nos municípios, os números de casos e mortes registrados no sistema nacional ficam abaixo do normal e apontam uma queda maior que a esperada. Para efeito de comparação, na quarta-feira passada (sem feriado) foram 543 mortos em 24 horas. Em semanas normais, os números mais altos vêm a partir do segundo dia útil após o final de semana. Por isso, os números dos próximos dias devem vir elevados devido ao represamento.

 

 

 

 

Como as mídias sociais se relacionam com a democracia
Nexo; 13/10
https://bit.ly/3ADCgHf

NÃO É MAIS PRECISO CONTROLAR A INFORMAÇÃO COMO OS DITADORES DE OUTRORA FAZIAM. A ALTERNATIVA, FACILITADA PELAS NOVAS TECNOLOGIAS, É POLUIR O AMBIENTE DE INFORMAÇÃO AO PONTO DE QUE SUA CREDIBILIDADE É ESSENCIALMENTE DESTRUÍDA

Por Filipe Camarante, professor na Johns Hopkins University: “Como resultado dessa dinâmica, temos caminhado celeremente rumo a uma política na qual tudo o que importa é uma competição entre narrativas. Implementar políticas públicas, gerar resultados tangíveis para os cidadãos, enfim, governar: tudo isso fica em segundo plano face ao imperativo de produzir e disseminar conteúdos que permitam aos simpatizantes mobilizarem-se em defesa do político – ou no mínimo argumentar que o outro lado é pior. No Brasil, obviamente, esse modo de ver e fazer política chegou ao poder triunfalmente com Jair Bolsonaro em 2018, no bojo de uma campanha calçada na produção e disseminação de desinformação, tal como mostrou a jornalista Patricia Campos Mello.

Mas esse argumento nos mostra que o problema vai muito além de nomes específicos. Ao contrário, ele está intimamente ligado às características mais fundamentais da tecnologia das mídias sociais. Elas colocam o incentivo irresistível para empreendedores do mundo da política de utilizá-las com fins estratégicos, alimentando assim a polarização e reduzindo a confiança na qual se embasa qualquer ação coletiva”.

Deixe seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Copyright © 2018 FEPESP - Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por: PWI WebStudio