13 de agosto de 2019

13/08 – 150 cidades terão protestos, Marcha das Margaridas ocupa Brasília, ‘MP da liberdade econômica’ é mais arrocho ao trabalho, e mais.

.

TV FEPESP: nesta semana, a campanha de sindicalização dos sindicatos integrantes. Sindicalize-se! Assista e compartilhehttps://youtu.be/EwexPn-5YL8.

 

 

UNE prevê atos em 150 cidades nesta terça
Folha de S. Paulo; 13/08
http://bit.ly/2KP5mvE

A expectativa da UNE (União Nacional dos Estudantes) e da CNTE (Confederação Nacional dos Trabalhadores da Educação) é a de que haja atos contra cortes na educação em mais de 150 cidades nesta terça (13). O protesto também vai criticar a reforma da Previdência e o projeto Future-se.

 

Trabalhadores e estudantes se mobilizam 
em defesa da educação e emprego
Agência Sindical; 12/08
http://bit.ly/2ySTUJP

Os atos pretendem mobilizar milhares de manifestantes em todo o País. Para Celso Napolitano, presidente da Federação dos Professores do Estado de São Paulo – Fepesp, “o ato visa também pressionar o Senado a não aprovar a reforma da Previdência e mostrar o descontentamento com o governo”. Estão previstas caravanas de docentes que virão do Interior do Estado.

 

Professores estão mobilizados para sair às ruas 
hoje em defesa da educação e aposentadorias
Rede Brasil Atual; 13/08
http://bit.ly/2MgrqSK

“Entre a avalanche de absurdos, estão a clara intenção de privatizar o ensino, a ameaça à aposentadoria dos professores, a falta de investimentos nas escolas e, recentemente, os ataques promovidos contra a liberdade de cátedra”, afirma a Apeoesp.

 

Por que estudantes e professores estão de volta às ruas
Jornal Nexo; 12/08
http://bit.ly/2Z3q8N4

É o terceiro protesto contra o presidente desde que ele assumiu o mandato, em 1º de janeiro de 2019. A área da educação é uma das mais afetadas por bloqueio de recursos. Em março, o governo anunciou contingenciamento de R$ 5,8 bilhões na educação. No mês seguinte, o MEC (Ministério da Educação) congelou R$ 1,7 bilhão dos orçamentos das universidades federais, o que afetou os gastos não obrigatórios. Agora, apresentou o projeto ‘Future-se’, encaminhando as universidades públicas para a privatização.

 

 


MP881: Câmara pode votar “MP da Liberdade Econômica”, 
a MP do arrocho ao trabalho
Diap; 12/08
http://bit.ly/2H5VCff

O plenário da Casa terá votações a partir desta terça-feira (13). A MP 881/19, transformada no Projeto de Lei de Conversão (PLV) 17/19, foi aprovada na comissão mista no dia 11 de julho. Está pronta para apreciação/votação no plenário. Depois vai ser examinado pelo Senado.

 

Conta outra: ‘Executivo estuda reforma sindical 
para atualizar segmento à realidade’
Estadão; 12/08
http://bit.ly/2TqCT2Q

Passada a reforma da Previdência, o governo estuda enviar ao Congresso uma proposta de reforma sindical para atualizar o segmento à “realidade do século 21”, segundo o Ministério da Economia. A proposta de emenda à Constituição (PEC) está sendo discutida pela Secretaria Especial de Previdência e Trabalho, do Ministério da Economia, com representantes de diversos setores.

 

Comissão de Direitos Humanos do Senado 
promove debate em defesa da Previdência
SinproSP; 12/08
http://bit.ly/305e1R2

A pedido do senador Paulo Paim (PT/RS), a Comissão de Direitos Humanos e Legislação Participativa do Senado Federal realizará na próxima quarta-feira, 14, às 11h, audiência pública para debater Trabalho e Previdência. O evento será realizado na sala 6 da Ala Nilo Coelho, no Senado, mas é interativo e você pode participar, mesmo à distância.

 

 


Marcha das Margaridas: milhares de mulheres chegam à Brasília
Jornal de Brasília; 12/08
http://bit.ly/31ziQSP

Completam, nesta segunda-feira (12), 36 anos do assassinato de Margarida Maria Alves, símbolo da maior ação de mulheres da América Latina. Por essa razão, milhares de Margaridas de todo o Brasil e de outros 26 países estão a caminho de Brasília rumo a Marcha das Margaridas 2019, que acontecerá nos dias 13 e 14 de agosto.

 

Quem são as mulheres que participarão da Marcha das Margaridas
Jornal GGN; 10/08
http://bit.ly/2YPM6be

Em sua sexta edição, a Marcha das Margaridas deste ano conta com o lema Margaridas na luta por um Brasil com soberania popular, democracia, justiça, igualdade e livre de violência. A primeira edição ocorreu no ano de 2000 e contou com a participação de 20 mil mulheres.

 

 


‘Quem vai investir nas universidades após
tanto ataque?’, questiona reitor da Unicamp

Folha de S. Paulo; 13/08
http://bit.ly/31CTbZg

Os ataques da gestão Jair Bolsonaro (PSL) às universidades públicas do país prejudicam o objetivo do próprio governo de atrair mais recursos privados para elas, diz Marcelo Knobel, reitor da Unicamp (Universidade Estadual de Campinas). A avaliação é feita no momento em que o Ministério da Educação propõe o Future-se, programa que visa diversificar o financiamento das universidades federais.

 

‘Educação não é negócio’, diz psicopedagoga
Maria Cecília Almeida e Silva

G1; 12/08
https://glo.bo/2YLGRZW

Em entrevista publicada no caderno, a psicopedagoga e criadora do Instituto Pró-Saber se queixou de falta de ajuda, por parte do mundo corporativo, ao seu projeto. Hoje, esse cenário não está muito diferente – “É um toma lá, dá cá. Generosidade, como antigamente tinha, não existe mais”.

 



Estados começam a aderir ao novo formato de ensino médio
O Globo; 13/08
https://glo.bo/2MYVWQB

Espírito Santo, Rio Grande do Sul, Ceará e Minas Gerais já possuem algumas diretrizes de como se darão as mudanças e vão testá-las em “escolas-piloto”, que recebem (ou deveriam receber) verba federal de um programa de apoio à implementação do Novo Ensino Médio. O modelo para todo o país prevê, como pilares, ampliação da carga horária e flexibilização do currículo — com disciplinas eletivas e itinerários formativos (linguagens, matemática, ciências da natureza, ciências humanas e formação técnica e profissional). A partir disso, cada estado vai adequar à sua própria realidade.

 

 



De Platão a Foucault: 136 curtas de animação
para aprender tudo sobre filosofia, sociologia e política

Revista Bula; 12/08
http://bit.ly/2Ky7SaF

A empresa especializada em educação online Macat produziu uma série de animações curtas sobre as principais teorias de grandes pensadores da humanidade. Ao todo, são 136 vídeos com duração de aproximadamente três minutos cada. Todos eles foram disponibilizados gratuitamente no canal da instituição no Youtube. Os temas abordados são bastante amplos, contemplando desde filosofia clássica, com os pensamentos de Platão e Aristóteles, até a filosofia moderna, de Foucault e Judith Butler.

 

Morte do educador Anísio Teixeira não foi acidental,
sustenta professor em livro

Rede Brasil Atual; 10/08
http://bit.ly/2yZzK0s

“Anísio Teixeira foi o campeão na luta contra a educação como privilégio”, disse o sociólogo Florestan Fernandes, em texto destacado na orelha do livro Breve história da vida e morte de Anísio Teixeira – Desmontada a farsa da queda no fosso do elevador, de João Augusto de Lima Rocha, recentemente lançado pela Edufba, a Editora da Universidade Federal da Bahia, onde o autor é professor titular da Escola Politécnica. Especialista no tema, 30 anos atrás ele esteve à frente do movimento pela fundação que leva o nome do educador, morto em 1971, aos 70 anos, oficialmente após cair em um elevador no prédio do professor e crítico Aurélio Buarque de Holanda, em Botafogo, na zona sul do Rio de Janeiro.

Deixe seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Copyright © 2018 FEPESP - Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por: PWI WebStudio