16 de dezembro de 2017
 
 
Enviar por email
RSS
Imprimir

LIVRO: A FACE SINDICAL DA REFORMA TRABALHISTA

25/09/2017

O livro “A Face Sindical da Reforma Trabalhista”, da advogada trabalhista Zilmara Alencar, membro do corpo técnico do DIAP, é até o momento a mais completa análise sobre a Lei 13.467/17 - a infame 'reforma' trabalhista. 

Lei que pretende restringir os sindicatos e acaba na prática com os direitos da CLT, entra em vigor em 11 de Novembro.

Link para o livro completo em formato PDF está aqui: http://bit.ly/2hqivjr

Capa livro Zilmara

Novo livro detalha ponto-por-ponto cada item das leis do trabalho que foram modificadas - e, como denunciamos, destruídas - pela reforma trabalhista do governo sem votos e sem compromisso com quem trabalha. "A Face Sindical da Reforma Trabalhista', da consultora jurídica Zilmara Alencar foi editado pelo DIAP (Departamento Intersindical de Assessoria Parlamentar) e está todo aqui, no link http://bit.ly/2hqivjr, para sua consulta.

Este livro deve ficar na mesa de todo dirigente sindical e de cada advogado trabalhista, daqui para a frente. É de fácil consulta, com itens organizados em tópicos, e de grande importância.

“O livro da doutora Zilmara Alencar auxilia não só na compreensão do real alcance e perversidade das mudanças mas, também, a organizar a resistência à precarização do trabalho diante das alterações trazidas pela Lei 13.467/17, que afetarão de forma negativa a vida do cidadão, que está sendo ‘encurralado’ a pactuar isoladamente”, escreveu o presidente do DIAP, professor Celso Napolitano, na apresentação do livro



A reforma trabalhista afeta as três fontes do Direito do Trabalho: 1) a lei, em sentido amplo; 2) a sentença normativa; e, 3) a negociação coletiva. Além disso, dificulta o acesso à Justiça do Trabalho, fragiliza política e financeiramente as entidades sindicais, além de retirar a proteção trabalhista e sindical de milhares de trabalhadores, desequilibrando, em favor do capital, as relações de trabalho.



Este livro, portanto, tem o propósito de esclarecer a ajudar a entender a profunda e extensa mudança que o novo Código de Trabalho vai impor às relações de trabalho e à organização sindical.

Comentários
0 comentário(s)

Comentar

O conteúdo deste campo é privado não será exibido ao público.
CAPTCHA
Insira os caracteres abaixo