21 de outubro de 2020

SÃO PAULO: compromisso com fiscalização de protocolos pela Secretaria da Saúde

SinproSP reúne-se com secretário da Saúde e pede controle sobre escolas particulares SinproSP; 17/10 https://bit.ly/3dCSnep No encontro, Luiz Antonio reafirmou […]

SinproSP reúne-se com secretário da Saúde e pede controle sobre escolas particulares
SinproSP; 17/10
https://bit.ly/3dCSnep

No encontro, Luiz Antonio reafirmou que a prioridade do Sindicato é a preservação da saúde dos professores, alunos e demais trabalhadores. Diante da decisão da Prefeitura de retorno das atividades extracurriculares, ele defendeu normas mais restritivas para liberar a abertura das escolas particulares e a testagem dos alunos e professores, paga pelas instituições de ensino privado. O presidente do SinproSP pediu, ainda, uma fiscalização mais ágil e eficaz contra as escolas que insistem em burlar as determinações legais.

As denúncias mais frequentes recebidas no SinproSP referem-se a aulas regulares presenciais maquiadas como atividades livres ou “extracurriculares”; funcionamento de escolas com mais de 20% de alunos, descumprimento de protocolos sanitários e convocação para trabalho presencial de gestantes, professores em grupo de risco ou que vivem com pessoas nessa condição. O Sindicato tem feito notificações, convocado as escolas e pedido fiscalização.

O secretário da Saúde comprometeu-se a acionar a Vigilância Sanitária e a Secretaria das Subprefeituras para garantir uma resposta mais rápida às denúncias do SinproSP. Edson Aparecido afirmou, ainda, que encaminhará as demandas do Sindicato e tentará uma reunião entre o prefeito e o Sindicato.

Recomendadas para você

Deixe seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Copyright © 2018 FEPESP - Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por: PWI WebStudio