7 de outubro de 2019| , , ,

CAMPINAS: Colégio Drummond tem até o dia 07/10 para prestar esclarecimentos

Os professores continuam mobilizados e em assembleia permanente

No dia 25 de setembro, o Sinpro Campinas realizou uma assembleia com os professores do Colégio Drummond para tratar sobre a greve em andamento e, também, para discutir sobre a atitude autoritária e antidialógica que a escola tomou: decidiu simplesmente fechar. Os professores se mostraram preocupados com o fechamento da escola e a falta de diálogo por parte da administração do colégio.

A instituição tem até hoje , 07/10, para regularizar as questões trabalhistas pendentes – ou ao menos pronunciar-se sobre prazos de quitação – e prestar os devidos esclarecimentos sobre o fechamento arbitrário da escola. Se não houver resposta, o Sindicato tomará medidas judiciais para a cobrança de direitos.

O Sindicato e o corpo docente da instituição somente ficaram sabendo do encerramento das atividades do colégio através do comunicado encaminhado aos pais e da reportagem do jornal “O Liberal”, veículo de informações do interior. Não houve nenhum comunicado oficial por parte da administração da escola sobre a atual situação dos professores.

O departamento jurídico do Sindicato encaminhou notificação à escola para exigir esclarecimentos sobre o fechamento da instituição e solicitar informações sobre o cronograma de anotações na carteira de trabalho, a quitação de salário e férias, o depósito do FGTS, a quitação dos haveres rescisórios e a homologação dos termos de rescisão de contrato dos docentes.

 

Entenda o caso:

CAMPINAS: professores do Colégio Drummond em greve

Deixe seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Copyright © 2018 FEPESP - Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por: PWI WebStudio